Portal da Cidade Registro

Crime

Câmeras de Monitoramento podem auxiliar investigação de assassinato em Registro

Denílson Lara, chefe de investigações da DIG, informou que a vítima, uma mulher de 47 anos, não possuía antecedentes criminais.

Postado em 27/05/2021 às 14:23 |

(Foto: Portal da Cidade)

A Delegacia de Polícia de Investigações Gerais (DIG) continua investigando o assassinato de uma mulher em Registro. Segundo Denílson Lara, chefe da investigação, o caso é mantido em sigilo. Entretanto, foi informado que apesar do envolvimento com drogas, a vítima não possuía antecedentes criminais.

O Portal da Cidade Registro apurou que câmeras de monitoramento próximas ao local do crime podem auxiliar na resolução do caso.

Sidimara Guilherme tinha 47 anos e foi encontrada morta na rua Félix Aby Azar, por volta das 14h55, na última segunda-feira (24). Moradores acionaram a Polícia Militar que averiguaram a denúncia e a investigação foi encaminhada á Delegacia de Investigação Gerais. .

O Conselho Tutelar revelou que acompanhava a família da vítima desde 2019. A mulher morava no bairro Jardim Xangrilá com os três filhos e a mãe que tinha a guarda das crianças. O órgão informou ainda que Sidimara tinha participado de tratamento no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), e já havia sido internada algumas vezes.

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) concluiu que a causa da morte foi por Traumatismo Cranioencefálico.

Fonte:

Receba as notícias de Registro no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias

data-matched-content-ui-type="image_stacked" data-matched-content-rows-num="2" data-matched-content-columns-num="3">