Portal da Cidade Registro

Saúde

Registro realiza Campanha Contra Tuberculose até o dia 28 nas Unidades de Saúde

Quem apresentar tosse por mais de 15 dias deve procurar o seu Posto de Saúde até o 28 para passar por avaliação clínica

Publicado em 13/09/2022 às 09:18
Atualizado em

A Secretaria Municipal de Saúde, inicia nesta segunda-feira (12/9) a Campanha Contra Tuberculose com a Busca de Sintomáticos Respiratórios em Registro. Quem apresentar tosse por mais de 15 dias deve procurar a sua Unidade de Saúde até o 28/9, para passar por avaliação clínica. A iniciativa tem como objetivo descobrir precocemente os casos de doença no município.

Durante esse período serão interrogadas ativamente pessoas que estiverem apresentando tosse há duas semanas a fim de descobrir possíveis casos da doença, iniciar o tratamento e assim reduzir as chances de transmissão e os casos de morte.

A responsável pelo Programa de Controle da Tuberculose, a Farmacêutica Bioquímica Sanitarista, Janine Scolaro, explica que a pandemia contribuiu para o aumento de casos de problemas respiratórios. “É importante salientar que a Organização Mundial da Saúde (OMS), no início da COVID, havia alertado que a Tuberculose teria um aumento histórico por conta das pessoas terem ficado muito tempo em confinamento obrigatório”.

Atualmente, Registro possui 42 casos confirmados e que já estão recebendo tratamento. No ano passado foram registrados 30, um aumento de 40% em relação a esse ano. Já em relação ao número de Provas Tuberculínicas, exame capaz de detectar a tuberculose, em 2020 foram realizados 119; 2021 o número foi 106 e em 2022, até o momento, 159.

O Secretário Municipal de Saúde, Edson Gauglitz, reforça a importância de as pessoas procurarem o serviço de saúde. “A tuberculose é uma doença contagiosa que afeta, principalmente, os pulmões, mas pode acometer outras partes do corpo. O principal sintoma é a tosse por duas semanas consecutivas e o tratamento pressupõe o uso de medicamentos diários por cerca de seis meses”.

A orientação é que todas as pessoas que apresentarem tosse por duas ou mais semanas procurem uma unidade de saúde para realizar a coleta do exame, uma amostra de escarro.

Os pacientes que forem diagnosticados com tuberculose recebem os remédios, que são distribuídos nas Unidades de Saúde, gratuitamente. Todo paciente com tuberculose pode ser curado, desde que siga corretamente as orientações do médico e dos demais profissionais de saúde responsáveis pelo acompanhamento.

No ano passado foram notificados no município 92 novos casos de tuberculose e 4 óbitos, no ano anterior, em 2020, foram registrados 102 casos e 5 óbitos. Esse ano, até o dia 10 de setembro, foram contabilizados 33 casos da doença e 3 óbitos.

Segundo a Secretaria de Saúde, a queda no número de casos registrados nos últimos anos é extremamente preocupante em relação ao diagnóstico precoce da doença, o que reforça a necessidade de sensibilizar a população em se atentar ao sintoma principal da doença.

Fonte:

Receba as notícias de Registro no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário